Sexta-Feira, 24 de Outubro de 2014
 
   
Texto
     +++     Como combater o bullying nas escolas      +++     Conferência sobre educação na Católica      +++     Colóquio sobre tráfico de seres humanos      +++     Sinais positivos para as famílias      +++     Pais de crianças disléxicas preocupados      +++     «A melhor maneira de anunciar Jesus»      +++     O amor humano está no coração da família      +++     Paulo VI, o Papa «ecuménico»      +++     «A missão começa em casa»      +++     Mais pobres que em 1974      +++    

Papa pede a jovens que levem a alegria

Sexta-Feira, 30 Março 2012
A Igreja Católica celebra este domingo a 27ª Jornada Mundial da Juventude, iniciativa que este ano terá caráter diocesano e que será subordinada ao tema «Alegrai-vos sempre no Senhor». Numa carta enviada aos jovens, Bento XVI vai ao encontro do tema escolhido, convidando os mais novos a levarem a alegria, «elemento central da experiencia cristã», a um mundo marcado pela tristeza e inquietação, segundo noticia a Agência Ecclesia.

Para o Papa, «o verdadeiro cristão nunca está triste ou desesperado, mesmo diante das provas mais duras, e a alegria cristã não é uma fuga da realidade, mas uma força sobrenatural para enfrentar e viver as dificuldades quotidianas».

Ao longo da mensagem, publicada pela sala de imprensa da Santa Sé, Bento XVI recorda o atual contexto de crise, salientando que os jovens precisam de sentir que «a mensagem cristã é uma mensagem de alegria e esperança». «O mal não tem a última palavra sobre a nossa vida», frisa. O Papa deixa votos de que os mais novos sejam movidos por um «espírito de serviço» e não pela «busca do poder, do êxito material e do dinheiro».

A celebração da Jornada Mundial da Juventude é assinalada no Domingo de Ramos e antecede o próximo encontro internacional de jovens, que vai decorrer no Rio de Janeiro, Brasil, entre os dias 23 e 28 de julho de 2013. A este respeito, Bento XVI confessa que a «memória do encontro de Madrid, no último mês de agosto», continua «muito presente» no seu coração. O Papa parte da experiência destes grandes acontecimentos (mais de 2 milhões na JMJ 2011) para sublinhar que a Igreja «tem a vocação de levar a alegria ao mundo, uma alegria autêntica e duradoura». «Na realidade, todas as alegrias autênticas, as pequenas do dia a dia sejam ou as grandes da vida, têm a sua origem em Deus», refere o texto papal, admitindo que as novas gerações se questionem sobre a possibilidade de chegar a uma «alegria plena».

Bento XVI reflete ainda sobre a ligação entre alegria e amor, observando que «amar significa constância, fidelidade, ter fé nos compromissos».

Publicado em Actualidade

Capa





Edição de Outubro/2014

bt_2

Calendário

Outubro 2014 Novembro 2014
Se Te Qu Qu Se Do
1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter

Administração